23 de out de 2012

Apple lança iPad mini, MacBook Pro 13" com tela Retina e novo iMac


  A Apple aproveitou seu evento nos Estados Unidos, nesta terça-feira (23) para apresentar o iPad mini, novo iMac, novo MacBook Pro 13 com tela Retina e atualização do iMac. Segundo a mídia especializada, o objetivo da empresa é concorrer com outros tablets de pequeno porte, como o Kindle Fire e o Nexus 7, do Google.


O iPad mini (Foto: Reprodução/The Verge)

O iPad mini 

O evento começou quando Tim Cook subiu ao palco para fazer uma revisão do lançamento do iPhone 5. Após uma breve apresentação, um vídeo foi exibido mostrando as filas que se formaram nas lojas da Apple pelo mundo, e pessoas felizes com a compra do respectivo aparelho.

Tim Cook no palco do teatro (Foto: Reprodução/The Verge)

Tim Cook no palco do teatro 

Antes de começar a apresentação das novidades do dia, Cook falou novamente da nova linha de iPods que foi lançada no mesmo dia do iPhone 5, e apresentou números de vendas, como é comum em eventos de lançamento realizados pela Apple. O CEO ainda apresentou a integração entre o iOS e o OS X Mountain Lion, além de números de vendas e publicações na loja de livros do iOS.

iBooks

Tim Cook apresentou, em primeiro lugar, as novidades da atualização do iBooks, programa de leitura de livros do iOS. O aplicativo recebeu leitura contínua, para o usuário não precisar "virar a página" e sincronização com iCloud. Além disso, o usuário poderá postar trechos dos livros nas redes sociais.

MacBook Pro 13" com tela Retina

Em seguida, Phil Schiller subiu ao palco e apresentou o que alguns rumores indicavam: o MacBook Pro 13 polegadas com tela Retina. Ele é o MacBook Pro mais fino e leve já fabricado, por isso, também não tem leitor de mídia ótica. Schiller seguiu sua apresentação mostrando a qualidade da nova tela e como os aplicativos da empresa estão preparados para ele, assim como já foi mostrado no lançamento do MacBook 

MacBook Pro Retina 13 polegas (Foto: Reprodição/ The Verge)

MacBook Pro Retina 13 polegas

O preço do MacBook Pro 13" com tela Retina é de US$ 1.699, ou cerca de R$ 3.400 sem os impostos, segundo a cotação do dólar do dia 23/10.

Mac mini

Schiller continuou a sua apresentação com o Mac mini. Rapidamente, ele falou das atualizações de hardware que o pequeno computador recebeu, com mais memória RAM e mais capacidade de armazenamento.

Apple anuncia nova atualização do Mac mini (Foto: Reprodução/Verge)

Apple anuncia nova atualização do Mac mini 

O modelo mais básico do Mac mini começa a ser vendido hoje por US$ 599, com Core i5, 4GB de memória RAM e 500GB de HD. Enquanto isso, o modelo mais robusto chega às lojas americanas por US$ 999.

Novos iMacs de 21,5 e 27 polegadas

A Apple aproveitou o evento para apresentar o seu novo iMac, o mais fino já feito até hoje. Ele será comercializado em duas versões, com tela de 21,5 e 27 polegadas. Entretanto, a grande novidade desta edição é o novo sistema de armazenamento que funciona de forma integrada, apesar de ser composta por um flash drive de 128 GB e um HD normal, que pode variar entre 1TB e 3TB.

Phil Schiller destaca o novo design do iMac (Foto: Reprodução)

Phil Schiller destaca o novo design do iMac 

iPad 4G

Finalmente, após vários lançamentos, Tim Cook voltou ao palco para falar do iPad. Primeiro, ele comparou o tráfego da internet que é liderado pelo tablet da Apple, com 91%. Depois, Schiller voltou para falar da atualização do Novo iPad, que ganhou acesso a rede 4G.

A quarta geração do iPad também ganhou um novo processador, o A6X, câmera frontal FaceTime HD 720p, 10 horas de bateria, segundo a Apple, e o conector Lightning, assim como já existe no iPod touch e iPhone 5. Vale ressaltar que ele também tem a tela Retina, assim como a versão anterior.

Preços da quarta geração do iPad (Foto: Reprodução/The Verge)

Preços da quarta geração do iPad 

O modelo básico, com 16GB de armazenamento e Wi-Fi, será vendido nos Estados Unidos e alguns países por US$ 499, que é equivalente a R$ 1 mil sem impostos. Enquanto isso, a versão com 4G LTE será vendido por US$ 629 (R$ 1.270 sem impostos)

iPad mini

O iPad mini foi mostrado em seguida. Ele tem uma tela de 7,9 polegadas e é 23% mais fino e 53% mais leve que o iPad anterior, que tem a tela de 9,6 polegadas. Depois, Schiller continuou falando de como a tela foi projetada para aproveitar melhor a leitura de livros, revistas e navegar na web, se comparado com os tablets concorrentes.

Quarta geração do iPad comparada com a nova versão do iPad mini (Foto: Reprodução/Apple)

Quarta geração do iPad comparada com a nova versão do iPad mini 

Ele vem com processador A5, câmera FaceTime HD de 5 megepixels e o conector Lightning. Assim como o seu irmão mais velho, ele também poderá ser encontrado em versões com Wi-Fi e Wi-Fi + Cellular e terá as Smart covers disponíveis para venda.

A tela do novo iPad mini comparado com o Nexus 7 com Android (Foto: Reprodução/The Verge)

A tela do novo iPad mini comparado com o Nexus 7 com Android 

O iPad mini mais básico, com 16GB de armazenamento e Wi-Fi será vendido nos Estados Unidos e outros países (Brasil não está incluído) a partir de 2 de novembro por US$ 329. Segundo a Apple, a bateria pode durar até 10 horas de uso.




Para encerrar o evento, Tim Cook voltou ao palco e "passou" rapidamente pelos últimos produtos anunciados pela Apple, hoje e nos últimos meses, e reforçou como a empresa está satisfeita por apresentar esses produtos para o público.


Confira a comparação entre o iPad mini, o Nexus 7, o Galaxy Tab 7.7 e o Kindle Fire HD:

iPad mini encara Nexus 7, Galaxy Tab 7.7 e Kindle Fire HD (Foto: TechTudo)

iPad mini encara Nexus 7, Galaxy Tab 7.7 e Kindle Fire HD